Governo realiza primeiro mutirão de atendimento às crianças com microcefalia

Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES), realizou nesta quarta (13) e quinta-feira (14), no Hospital Infantil Dr. Juvêncio Mattos, o primeiro mutirão de atendimentos de alta complexidade às crianças notificadas com microcefalia em 11 municípios do Estado.

Nestes dois dias, 15 bebês foram atendidos e sete tiveram a microcefalia descartada a princípio, mas farão outros exames para o acompanhamento. Já os oito bebês que tiveram a doença confirmada terão acompanhamento especializado e foram encaminhados para a realização de tomografia computadorizada do crânio, exame de Líquor Cefálico Raquidiano – líquido que circula no cérebro e parte da medula –, para identificação do vírus causador da microcefalia, além de outros exames laboratoriais.

As crianças também foram encaminhadas aos especialistas que irão desenvolver trabalhos de estimulação precoce com a equipe multidisciplinar de terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas no Centro de Reabilitação do Olho D´Água e nas Apaes (Associação de Pais e Amigos do Excepcionais).

“Essa foi a primeira consulta com essas crianças com microcefalia, que possuem menos de um mês de vida. Daqui pra frente elas serão permanentemente acompanhadas por uma equipe multidisciplinar e mensalmente retornarão ao Hospital para serem avaliadas por pediatras e neuropediatras”, afirmou a neuropediatra da equipe técnica da Secretaria de Saúde, Tertuliana Mota.

A secretaria já planeja outros três mutirões em outras regiões do Estado, com o objetivo de captar todos os casos notificados para iniciar imediatamente o tratamento dentro da rede de assistência já organizada pela SES. “A equipe da Rede de Serviços da SES já conversou com as famílias dos bebês diagnosticados com a microcefalia no mutirão, repassando as datas dos agendamentos dos exames, reabilitações e retornos com o neurologista. Em seguida, informaremos aos municípios de origem das crianças para realizarem o transporte até o hospital nas próximas consultas", esclarece Ana Lúcia Nunes, secretária-adjunta de assistência à Saúde da SES.

Ana Lúcia Nunes destacou ainda, que nenhuma criança ficará desassistida e que as famílias podem ficar tranquilas que serão avisadas de quando devem levar a criança para realizar os procedimentos e locais de atendimento.

Os próximos mutirões para a realização do atendimento especializado será nos municípios de Caxias (12 crianças), Imperatriz (26 crianças) e em São Luís (12 crianças).
Lançada Diretriz Nacional para Estimulação Precoce
Na última quarta-feira (13), o Ministério da Saúde disponibilizou a todos os profissionais e gestores do país, as Diretrizes de Estimulação Precoce: Crianças de 0 a 3 anos com atraso no desenvolvimento neuropsicomotor decorrente de microcefalia.

O documento foi desenvolvido em razão do cenário de urgência dado pelo aumento de casos de microcefalia em todo o país em decorrência de infecção pelo vírus Zika.

As diretrizes são orientações aos profissionais das equipes da Atenção Básica e Atenção Especializada para a estimulação precoce e o conteúdo é direcionado às crianças com microcefalia, podendo se aplicar ainda a outras condições ou agravos de saúde que interfiram no desenvolvimento neuropsicomotor nesta fase.

Com a realização dos mutirões, o Governo do Maranhão inicia oficialmente a execução das novas diretrizes preconizadas pelo Ministério da Saúde, para todos os Estados que tenham confirmado casos de microcefalia.



Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest

Nenhum comentário: