Atirador abre fogo em boate nos EUA e deixa ao menos 20 pessoas mortas

Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest


Um homem entrou em uma boate na cidade de Orlando, no estado americano da Flórida, e abriu fogo contra o público do estabelecimento na madrugada deste domingo (12/6). Armado com um rifle e uma pistola, o atirador matou pelo menos 20 pessoas e deixou outras 42 feridas, segundo a polícia local.

Cerca de 100 agentes foram chamados ao local. Após troca de tiros com uma equipe da SWAT, o autor dos disparos foi morto.


O ataque aconteceu na boate gay Pulse, por volta de 2h da manhã local (3h em Brasília). As primeiras informações do tiroteio foram dadas via Twitter pela própria polícia da cidade e pelo perfil do estabelecimento, pedindo para que as pessoas saíssem do local e se afastassem.

Os feridos foram levados ao Hospital Regional de Orlando (ORCM, da sigla em inglês). A polícia agora tenta descobrir o que motivou o ataque e ouvirá testemunhas para esclarecer o ocorrido.

Cantora morta por fã


O ataque a boate americana aconteceu após a morte da cantora Christina Grimmie, assassinada por um fã durante uma sessão de autógrafos em uma casa de shows, também em Orlando. A polícia contou que o atirador foi contido pelo irmão da cantora e se suicidou logo após o ataque.










Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest

Nenhum comentário: