Governo participa de audiência pública sobre valorização da mão de obra local

Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest


O Governo do Estado participou nesta terça-feira (8), de audiência pública sobre a valorização da mão de obra local pelas indústrias de São Luís. O evento realizado no plenário Simão Estácio da Silveira, na Câmara Municipal da ilha, debateu o fomento ao emprego e renda e as políticas de desenvolvimento da cidade.

Durante o evento, gestores das Secretarias de Indústria e Comércio (Seinc), Trabalho, Emprego e Economia Solidária (Setres) e da Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), falaram sobre as iniciativas do Governo voltadas a geração de postos de trabalho, expansão da economia e desenvolvimento.

Os programas ‘Mais Empresas’ e ‘Maranhão Mais Produtivo’, que estão contribuindo com os trabalhos do Executivo Estadual, foram destacados pelo Secretário Adjunto de Indústria e Comércio, Lúcio Maia. “O Governo Flávio Dino está realizando uma série de ações, que visam expandir as empresas instaladas no Estado, com a prerrogativa de valorizar a mão de obra local. Entendemos que monitorando dos empreendimentos com esse foco, vai contribuir para a geração de emprego, renda e o crescimento da economia”, declarou.

A audiência pública que contou com a presença de diversos trabalhadores da construção civil pesada, foi proposta pela vereadora Rose Sales, que falou sobre a importância das discussões com o intuito de valorizar e garantir o direito ao trabalho de quem vive em São Luís. “Agradeço aos representantes do Governo do Estado que vieram para somar com essas discussões tão necessárias a vida da cidade de São Luís e para o crescimento do Estado do Maranhão”.

Políticas de Desenvolvimento 

Preocupados com a garantia de trabalho e renda do povo do Maranhão, a Seinc tem conversado com empresas que vão receber benefícios fiscais por meio do “Mais Empresas” para que em contrapartida, contratem mão de obra e serviços de empresas locais.

Além disso, estão sendo executadas medidas para adensar o setor produtivo, incentivando uma maior participação de empreendedores locais nos grandes investimentos do Maranhão.

“Desde que assumimos a pasta, sempre estamos preocupados com as contratações locais, não só de trabalhadores, mas também das pequenas e médias empresas, a expansão e consumo de produtos do Estado. Para isso, estamos fazendo um trabalho focado em uma ambiência favorável aos negócios, no adensamento das cadeias produtivas e na reversão das importações estaduais”, disse o Secretário de Indústria e Comércio, Simplício Araújo.

Exportação

O trabalho de Governo que refletiu nas exportações de gado vivo realizadas recentemente via Porto do Itaqui, foi destacado pelo vereador Honorato Fernandes, que falou sobre a visão de desenvolvimento do Governo Flávio Dino. “Uma simples determinação do Governador Flávio Dino em transportar uma carga viva fez com que mais de nove municípios tivessem movimentos e pequenos criadores pudessem vender seu gado para ser levado a outros países, o que incentiva o desenvolvimento das regiões criadoras de gado no Estado”.

Toda a compra do gado maranhense exportado para outros países foi realizada por meio das Rodadas de Negócio, do Programa ‘Maranhão Mais Produtivo’, que visa dar oportunidade às micro e pequenas empresas instaladas no Maranhão, ampliando o acesso a novos mercados.

Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest

Nenhum comentário: