Policial anuncia na internet que tinha um revolver para trocar por um vídeo game

Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest

Parece mentira, mas infelizmente não é. Preste atenção nesta história: Um soldado da Polícia Militar do Amazonas não achou o que fazer e pôs um anúncio no "OLX" dizendo que queria trocar um revólver calibre 32 por um videogame. Verdade verdadeira.

O nome dele? Samuel da Silva Lemos, lotado na 21ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom).

Samuel, claro, acabou preso neste domingo, no bairro do Tarumã, após ir ao encontro de um taxista para fazer a troca.

Apesar da gravidade do que Samuel fez, em se tratando de um policial militar, ele já está solto, após pagar fiança de 2 mil reais. É a lei.



Foto: Divulgação

O texto que você vai ler abaixo (contando detalhes da ocorrência) foi enviado por um PM ao WhatsApp (92 - 99335-3954) do PORTAL DO ZACARIAS. Aconpanhe:

"Durante patrulhamento de rotina pelo bairro do Tarumã, a viatura 9231 foi abordada por um taxista, que não quis de identificar, mostrando uma imagem de um anúncio no sítio virtual OLX em que o anunciante estava vendendo uma arma de fogo.

Que havia marcado hora e local nas proximidades do Parque Riachuelo, no mesmo bairro, e procurado a viatura mais próxima para apurar a denúncia.

Após contato com o denunciante, a guarnição deslocou-se até o local marcado e abordou o indivíduo com as mesmas características repassadas via contato telefônico.

Que ao proceder a busca pessoal no indivíduo fora encontrado um revólver marca Imbel calibre 32 com 6 munições intactas.

Que após a busca pessoal, o indivíduo identificou-se como sendo o soldado PM Samuel da Silva Lemos, lotado na 21ª Cicom. De pronto o Oficial ROCAM CMD fora acionado e ao chegar ao local e questionar o militar sobre a venda e registro e porte da arma de fogo informou que estava precisando de dinheiro e também não possui registro do armamento.

Dada voz de prisão, o militar foi encaminhado ao 19° DIP para as providências legais.

O oficial da DJD fora informado logo após a constatação do ocorrido e sob sua orientação, que os autos e oitivas foram encaminhados ao próprio oficial da DJD logo após os procedimentos no 19° DIP.
"
Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest

Nenhum comentário: