Mulher que ameaçou suicídio diante de Huck queria reformar a casa

Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest
Amigos contam que ela há anos pede ao 'Caldeirão do Huck' também uma reforma do carro, sem nunca ter resposta da atração



Luciano Huck durante a gravação do programa "Caldeirão do Huck", da Rede Globo (João Miguel Júnior/TV Globo)


A mulher que cortou os pulsos para chamar a atenção de Luciano Huck, durante gravação do Caldeirão do Huck em Fortaleza, na última terça-feira, é fã do apresentador e espera ter sonhos de consumo atendidos por ele, que pratica assistencialismo em seu programa na Globo, reformando carros e dando bens a espectadores. Amigos contam que ela há anos pede ao Caldeirão a reforma da casa e do carro, sem nunca ter resposta da atração. A mulher, cuja identidade é mantida em sigilo pela família, estava internada no Instituto José Frota (IJF) e recebeu alta nesta quarta-feira.

A cearense se jogou na frente de Luciano com os pulsos cortados durante a gravação do quadro “Um por Todos, Todos por Um” no projeto Acordes Mágicos, que ensina música da crianças carentes. A mulher, que desmaiou após se aproximar do apresentador, mora no Conjunto Esperança, no bairro Novo Mondubim, na periferia de Fortaleza — onde também fica localizada a sede da Organização Não Governamental (ONG).

Nas redes sociais, Luciano Huck não comentou o fato. “Valeu Fortaleza. Meu dia foi muito especial. Volto em breve, prometo. Adoro o Ceará. Sem palavras para agradecer o carinho de sempre”, escreveu no Instagram.

Em nota oficial, a Rede Globo relatou que “uma mulher ultrapassou a grade de isolamento e, ao ser interceptada pelos profissionais de segurança que estavam no local, pediu para se aproximar de Luciano Huck, que autorizou. Ao se dirigir ao apresentador, estava com o pulso cortado e acabou desmaiando. Ela foi prontamente socorrida pela equipe médica que acompanhava a gravação e encaminhada para o Hospital Frotinha Parangaba Maria José Barroso, onde recebeu os primeiros cuidados. Em seguida, foi levada ao Instituto Dr. José Frota e já teve alta”.

(Com Estadão Conteúdo)
Compartilhe esse artigo! Facebook +Google Twitter Pinterest

Nenhum comentário: